Follow by Email

Quem sou eu

domingo, 10 de julho de 2011

organelas

ORGANELAS CITOPLASMÁTICAS





Definição: São estruturas citoplasmáticas que exercem todas as funções celulares.

OBS: As organelas se dividem em não membranosas (Ribossomos) e membranosas (as demais).


TABELA GERAL DAS ORGANELAS

1.Ribossomos
2.Retículo endoplasmático agranular (ou liso) e Retículo endoplasmático granuloso (ou rugoso)
3.Vacúolo
4.Complexo de Golgi ou complexo golgiense
5.Lisossomos
6.Centríolos
7.Peroxissomos
8.Mitocôndrias
9.Plastos


OBS: A quantidade e o tipo de organelas depende do tipo de células e as suas funções.


1.RIBOSSOMOS
Definição: São formados por proteínas associadas a um tipo de ácido nucléico denominado RNAr.

Função: síntese de proteínas.

Local: podem ser encontrados:

•livres no Hialoplasma formando os polissomos ou polirribossomos (Ribossomos + RNAm).
•aderidos ao R.E.formando o R.E.R
•dentro de mitocôndrias e cloroplastos.


Características gerais:

•Eles não são limitados por membrana e por tanto existem nos procariontes e nos eucariontes.
•São formados por duas sub-unidades: Uma maior e outra menor.

2.RETICULO ENDOPLASMÁTICO

Tipos:

•R. E. Agranular (liso), próximo a membrana plasmática
•R. E. Granular (rugoso), próximo a carioteca

Retículo Endoplasmático Agranular (LISO)

Definição: São formado por tubos ou canais interligados ou sistemas de membranas intra-celulares.


Funções

•Transporte no interior da célula.
•Atua na desintoxicação ( metabolização de substâncias tóxicas, 90%).
•Síntese de lipídeos ( esteróides ).
•Armazena substâncias.

Retículo Endoplasmático Granular (RUGOSO)-

Definição: São formados por sistema de vesículas com ribossomos aderidos. São muito desenvolvidos nas células secretoras.


Funções

•Responsável pela síntese de proteínas ,
•Transporte de substâncias dentro da célula


3.VACÚOLOS

Definição: Os vacúolos são estruturas de armazenamento. São organelas citoplasmáticas exclusivas das células vegetais.


Funções:

• Preenchimento de espaço(aumento de tamanho da célula Vegetal)

• Armazenamento(água, armazenam em seu interior íons como o Na+, carboidratos, aminoácidos e proteínas)

• Atua na regulação hídrica (pressão osmótica)

4. COMPLEXO GOLGIENSE OU APARELHO DE GOLGI

Definição: É Constituído por uma série de sáculos achatados de onde brotam vesículas.
Funções


•Armazena e empacota proteínas sintetizadas no R.E.G. e outras substâncias
•Forma o acrossomo dos espermatozóides
•Forma os lisossomos primários
•Síntese de carboidratos ( ex: lamela média e muco)
•Síntese de glicoproteínas e lipoproteínas



5.LISOSSOMOS

Características gerais:

Os lisossomos são bolsas circundadas por típica membrana de bicamada lipídica e cheias com grande número de pequenos grânulos, que são agregados protéicos de enzimas hidrolíticas (digestivas) capazes de digerir diversas substâncias orgânicas. São originados no complexo de Golgi e estão presentes em praticamente todas as células eucariontes. É encontrado em grande quantidade nas células dos poríferos e protozoários


Funções:

Digestão intracelular

•HETEROFAGIA - fagocitose e pinocitose

•AUTOFAGIA - quando a célula digere alguma de suas próprias estruturas. Ex: uma mitocôndria que não funciona direito.

•AUTÓLISE - morte celular devido ao rompimento do lisossomo. Ex: inalação de pó de sílica (silicose) e regressão da cauda do girino.


6.CENTRÍOLOS

Características:

Os centríolos são estruturas citoplasmáticas que estão presentes na maioria dos organismos eucariontes, com exceção das plantas angiospermas (frutíferas). O centríolo é um cilindro cuja parede é constituída por nove conjuntos de três microtúbulos e geralmente ocorrem aos pares nas células.

OBS: cada centríolo é formado por 9 grupos de 3 microtúbulos protéicos.

Funções:

•Coordena a divisão celular (forma as astes do fuso mitótico)
•Origina cílios e flagelos (são centríolos modificados)


7.PEROXISSOMOS:


Características:


São encontrados em todas as células eucarióticas e são especializados no processamento das reações oxidativas ( POSSUEM ENZIMAS OXIDÁVEIS).

Além de conterem enzimas que degradam gorduras e aminoácidos, tem também grandes quantidades de enzima catalase, que converte o peróxido de hidrogênio( água oxigenada) em água e gás oxigênio.



8.MITOCÔNDRIAS


Características:

•São organelas responsáveis pela respiração celular aeróbica produzindo 36 moléculas de ATP.
•Apresenta um sistema duplo de membranas com a presença de DNA (autoduplicação), RNA e ribossomos.
•Tem a forma de bastonetes;
••É o motor da célula, muito ativa nas células Musculares e Neurônios.
•Toda Mitocôndria é de origem materna.
•Possui uma matriz e uma crista.




9. PLASTOS



Definição: São organelas típicas das células vegetais com membrana dupla, com presença de DNA ,RNA E RIBOSSOMOS.



Tipos:



•LEUCOPLASTOS: São pastos que armazenam substâncias de reserva (incolores). Ex:amiloplastos (amido), oleoplastos (gordura), proteoplastos (proteínas) etc.



•CROMOPLASTOS: São plastos que possuem pigmentos. Classificam-se de acordo com a tabela abixo

CLOROPLASTO: a fábrica de açúcar( atua na fotossíntese)


Estrutura: Envelope, tilacóides e estroma

•Estroma = região preenchida com material viscoso;

•Tilacóides = Vesículas achatadas, mergulhadas no estroma;

•Granum = pilha de tilacóides.

•Grana = conjunto de todos os granum

domingo, 12 de junho de 2011

BULLYING
O que o aluno poderá aprender com esta aula
Adotar atitudes de respeito com o próximo. Perceber a importância de ter um bom convívio social, de conhecer valores e regras. A aula pretende esclarecer: O que significa bullying. De que maneiras o bullying pode acontecer na escola. Quais são as conseqüências de quem pratica e de quem sofre bullying na escola. Como colaborar com a escola para que este problema seja superado.
Para contextualizar o assunto, o professor (a) poderá elaborar previamente pequenas cenas que expressem ações de bullying na escola. Na forma de dramatização, os alunos separados em grupos, terão que representar para toda a turma as cenas descritas pelo professor (a). Neste momento não há necessidade de apresentar o conceito "bullyng" ainda, pois o objetivo é promover uma discussão e reflexão acerca dos atos de violência, humilhação e perseguição ocorridas no cotidiano escolar. Após as apresentações, o professor (a) poderá levantar alguns questionamentos:
• Essas atitudes são comuns em nossa escola?
• Alguém já presenciou alguma cena como essa, seja em sala de aula, no pátio, ou no recreio?
• Como isso aconteceu?
• Alguém já foi vítima de ações como está em nossa escola?

A partir deste momento o professor (a) poderá apresentar o termo BULLYING. Explicando o significado deste termo. Segue sugestão de conceituação da palavra:

Para significar o conceito de Bullying o professor (a) poderá criar uma tabela no quadro negro, evidenciando todas as palavras que representam o termo Bullying:

Poderá solicitar ainda que os alunos completem essa tabela sugerindo termos que eles acreditam representar bullying na escola.
Neste momento outras questionamentos devem ser elaborados sobre Bullying, o professor poderá previamente apontar algumas questões, mas é importante que os alunos também participem da construção destas questões que deverão ser trabalhadas na instrumentalização. Abaixo algumas sugestões:
• O que significa Bullying?
• O que significa ser vítima de bullying?
• O que significa ser agressor (aquele que pratica bullying)?
• O que significa ser testemunha do bullying?
• Quais os tipos de bullying existentes na escola?
• O que fazer para não ser vítima desse tipo de violência?
• Como ajudar meus colegas e minha escola a superar este problema?

Seguidores